domingo, 11 de novembro de 2012

Pessoa


Para ser Grande,
sê inteiro:
nada
Teu
exagera ou
exclui.
Sê todo
em cada
coisa.
Põe
quanto
és
no mínimo
que fazes.
Assim como
em cada 
lago
a lua toda
Brilha,
porque alta vive.


           


Este poema é muito especial para mim ... foi-me ensinado pelo meu pai, quando eu era pequenina! Nunca mais o esqueci e sempre que a saudade aperta (e são tantas as saudades que eu sinto tuas pai...) lembro-me destes dias em que, sentada no teu colo, o repetia vezes e vezes sem fim como se de um lema de vida se tratasse. E a verdade é que se tornou, aos poucos e poucos, um lema da minha vida! 

1 comentário: