quarta-feira, 20 de março de 2013

'No vento que lança areia nos vidros,
Na água que canta, no fogo mortiço,
No calor do leito, nos bancos vazios,
Dentro do meu peito, estás sempre comigo."


{play}

Sem comentários:

Enviar um comentário