quarta-feira, 25 de novembro de 2015


Há dias em que nos sentimos atropeladas pela vida. Dois anos e meio depois da minha operação esperava ter alta do IPO... se calhar criei expectativas... se calhar ia otimista demais. A verdade é que não ia preparada para continuar com a medicação, menos ainda para aumentar a dose da mesma e descobrir que afinal o problema é que o meu corpo não está a "assimilar" nem a aproveitar toda a medicação que toma ... há coisas piores? claro que há. Tudo isto é e será contornável embora não tenha sido fácil esconder a desilusão após a consulta.


2 comentários:

  1. Não faz mal ter expectativas, nem ser optimista, é sinal que ainda há esperança o que é fundamental para continuar a vencer essas jornadas! Força. O importante é que no final tudo tenha corrido bem.

    ResponderEliminar
  2. Lamento que assim seja, espero que tenhas alta muito em breve.

    ResponderEliminar