quarta-feira, 12 de outubro de 2016

12 anos e a magia da tua festa surpresa


Foi fácil fazer-te acreditar que não havia bolo, que não havia tempo de preparar nada de especial porque a mãe tinha um dia cheio de trabalho (e que, na melhor das hipóteses, comprávamos um bolinho no Pingo Doce).
Foi incrível como aceitaste, sem queixas nem amuos, almoçar apenas com 4 amigas mais chegadas, na Pregaria da nossa rua.
Deste-te por contente com os gelados que comeram a seguir e por poderem andar de baloiço e escorrega a tarde toda e não desconfiaste de nada, em momento nenhum e até compreendeste que os meninos do 12º ano tinham que estudar para um teste e afinal não iam estar à tarde na nossa Sala de Estudos. 
Foi gira a conspiração com os meus alunos para tornar a tua tarde especial e lhe acrescentar mais brilho. Foi bonito poder contar com eles e admiro o modo como se disponibilizaram para participar na surpresa, como ajudaram a orientar tudo, como se envolveram e como para eles foi importante estarem presentes, só para te cantar os parabéns e te ver sorrir e sei que, para ti, não teria sido igual sem eles. 

Foi lindo ver-te chegar e entrar na cozinha e ver toda a gente a gritar PARABÉNS! Ver-te comovida e saber-te feliz apenas porque tinhas junto a ti os que mais gostas.








2 comentários: